2.0 // MODA2.1 // TENDÊNCIA 

Marca traz o expressionismo abstrato para o inverno 2017

Em evolução contínua e valorizando a linguagem influenciada pela arquitetura nas coleções, a MODEM apresenta sua visão do expressionismo abstrato traduzido por estampas, elementos gráficos e detalhes como babados, listras e amarrações. O conceito organic clean é destrinchado nessa coleção de inverno aparecendo principalmente nos bolsos, recortes e punhos.

O processo criativo nesta coleção incorporou um pouco do trabalho de grandes artistas plásticos. Jackson Pollock e suas técnicas de drip painting estão presentes nas estampas, as linhas de Barnett Newman aparecem em faixas localizadas em diversas peças, já o grafismo de Sol Lewitt surge em riscas de giz que se assemelham a pespontados.

Parte do DNA da MODEM, os detalhes transpassados e assimétricos, continuam presentes e trazem novas possibilidades que valorizam a versatilidade nas produções. Os tecidos escolhidos prezam pela sofisticação, mas transitam com facilidade em produções para o dia ou para a noite. Na cartela de cores tons neutros e pastel, contracenam com o citron, cor aposta da temporada. Moderno e feminino, o conceito organic clean concebido pela marca resulta em shapes fluidos e assimétricos com os volumes, contrapondo silhuetas mais secas, predominando os comprimentos midi.

Criados a partir da identidade industrial, e valorizando o inusitado, a marca destaca os seus bordados 3D que trazem movimento às peças, junto com a forte presença dos elementos metálicos.

A versatilidade também se mostra nos acessórios, com alças ajustáveis ou removíveis nas bolsas e cintos. Grande novidade, a MODEM lança a Sac Bag, uma bolsa estilo origami que pode ser usada de diferentes formas. Sucesso em coleções anteriores, a Camera Bag passa por uma releitura, com versões envernizadas e com correntes, disponível em 4 cores.

Fotos: Divulgação

saiba antes via instagram @amaisinfluente