1.0 // FAMOSOS 

Carol Duarte, a Ivana de “A Força do Querer”, não é reconhecida nas ruas por diferença no visual

Em seu primeiro trabalho na TV, Carol Duarte conta que não é reconhecida pelas pessoas quando está com cabelos soltos, maquiada e usando vestido. Aos 24 anos, a atriz diz que passa nove horas por dia como Ivana, sufocada com a faixa apertada que a personagem usa para “prender” os seios. Por isso, anda muito mexida com tudo o que Ivana atravessa.

“Se eu saio na rua com roupas como as da personagem, as pessoas me reconhecem. Se eu solto o cabelo, aí já ficam: ‘Será que é?’. É engraçado. Quem me reconhece, torce pela Ivana, apesar de muita gente não saber ainda que ela é trans. Algumas pessoas acham que ela é lésbica”, diz.

A atriz afirma que a transição de gênero da filha de Joyce (Maria Fernanda Cândido) continuará como a trama vem mostrando essa história desde o começo, de forma didática. Sobre cabelos curtos e o visual masculino que será adotado em breve, ela afirma que nada está certo ainda.

No processo de transição, Ivana deve ficar um tanto andrógina, masculinizada, mas com os traços femininos que tem porque é assim que acontece com quem passa por isso. A atriz conta que aparência e estética não mexem com sua cabeça, mas o retorno de quem se identifica com esse trabalho.

“Recebo mensagens de garotos que estão fazendo a transição e se sentem bem de não estarem sozinhos. O que estamos fazendo é jogar à tona algo que a sociedade insiste em cobrir. Uma dessas mensagens que recebi dizia: ‘Meu horário de sair de casa é depois das sete da noite, porque já está escuro’. Isso foi muito forte para mim”, comenta.

Próximos passos

Ivana entendeu que é transgênero ao conhecer Tarso Brant no capítulo de quinta (27), o de número 100 da trama. A novela já passou da metade, terá 173 capítulos, e agora a transição da personagem será para valer.

“Eu estava ansiosa para esse momento. Ainda é novo, então ela entende mais ou menos, porque está entrando nesse mundo só agora. Há uma esperança da parte dela”, conta a paulistana.

Mas o que vamos ver a partir de agora? “Ela descobre seu lado mais impulsivo e precisa lutar por ela. Vai ter de falar isso para o mundo. Esse enfrentamento vai ser em muitas instâncias, como acontece na vida real”, responde Carol.

Mesmo em uma novela que está batendo recordes de audiência e com uma personagem de grande repercussão, a atriz assegura que continua sua vida como era antes, anda de metrô, principalmente quando está em São Paulo, e frequenta os mesmos lugares. “Nada mudou”.

Fonte: Notícias da TV

Fotos: Reprodução

saiba antes via instagram @amaisinfluente