2.0 // MODA2.1 // TENDÊNCIA 

Marca brasileira aposta na sustentabilidade na indústria da moda

Depois do frisson causado pela top brasileira Gisele Bündchen ao usar um vestido sustentável no Baile do MET 2018 (realizado na última segunda, 07 de maio em Nova York), o assunto tem tomado proporções cada vez maiores no país e no mundo. Gisele usou um vestido da Versace, grife italiana que produziu o vestido 100% orgânico e ecologicamente tingido.

Seguindo essa linha, estão surgindo diversas marcas nacionais voltadas para a moda consciente. Uma delas é a MUMO. Para quem se interessa pelo assunto e procura levar o consumo consciente para o dia a dia, a marca oferece opções práticas que se adequam a diversos estilos de vida.

A MUMO chega com uma proposta de, a cada ano, escolher uma causa socioambiental e colocá-la no centro da empresa, repensando o mercado de moda, que hoje é o terceiro mais poluente do planeta, perdendo apenas para carne vermelha e petróleo. Sendo uma das startups de moda mais responsáveis do mercado atual.

Em maio, ela lança a coleção especial para o Dia das Mães. As novidades incluem looks combinadinhos de mãe e filho, além de ter processos e tecidos sustentáveis, como algodão orgânico, tecidos de reúso (upcycling) e couro verdadeiramente ecológico.

Atualmente, para cada peça de roupa vendida, a marca apoia projetos de recuperação ambiental, plantando e cuidando por doze meses de uma árvore em áreas devastadas. Em 6 meses, já foram plantadas mil mudas de árvores nativas.

A nova coleção está disponível no e-commerce da marca. Confira a galeria com algumas peças:

Fotos: Divulgação 

saiba antes via instagram @amaisinfluente