5.0 // DOSSIÊ5.5 // CARREIRA 

Cresce a presença de mulheres no ramo da aviação

Historicamente, os homens sempre dominaram todos os postos de trabalho no mercado, e na aviação não era nada diferente disso. No entanto, aos poucos, esse cenário tem mudado com o ingresso de mais profissionais femininas no mercado. Um levantamento recente da Agência Nacional de Aviação Civil aponta um crescimento de 106% no número de mulheres com licenças ativas emitidas pela Anac, excluindo a carreira de comissário de bordo.

No período de 2015 a 2017, o número de mulheres com licença de pilotos privados de avião (PPR) saltou de 279 para 740, aumento de 165%; de Pilotos Privados de Helicóptero (PPH), de 47 em 2015 para 167 em 2017, ou 255% no período.

Algumas categorias tiveram crescimento menos expressivo, como as de Piloto de Linha Aérea – Avião (PLA) de 29 em 2015 para 41 em 2017 e Piloto de Linha Aérea – Helicóptero (PLH) 14 para 22. No total, o Brasil tem 1.465 mulheres pilotos contra 46.556 profissionais masculinos.

O número de mecânicas apresentou um crescimento de 30% e as comissárias de bordo dominam a categoria. Ao todo, são 6.485 profissionais contra 3.335 homens habilitados para a função.


Gostou do conteúdo? Quer saber mais sobre a área de turismo? Acesse a Revista Enjoy Trip e confira!

saiba antes via instagram @amaisinfluente