3.0 // MANUAL3.2 // CORPO 

Pratica corrida e mesmo assim não perde peso? Entenda os motivos!

Se você pensava que era só sair correndo por aí que já conseguiria abaixar os ponteiros da balança e manter o peso depois, se enganou! Para conseguir emagrecer praticando corrida é preciso se preocupar com outras questões.

Abaixo, você confere a lista com os 5 fatores que prejudicam seu emagrecimento na modalidade:

1 – Metabolismo lento
“Acelere o metabolismo!” é uma manchete que vemos com frequência. Principalmente, acompanhada de promessas de maneiras de acelerar a queima calórica sem muito esforço. Porém, infelizmente, isso não é tão simples assim.

Pesquisas provaram o que você provavelmente já percebeu. Algumas pessoas queimam calorias de modo mais rápido que outras. Elas podem comer sem moderação, ao passo que, para algumas pessoas, basta olhar para uma fatia de bolo para ganhar 4,5 kg.

Para explicar isso, a ciência mostra que alguns fatores que afetam o metabolismo são determinados geneticamente. Gênero é um deles. Pessoas do sexo masculino tendem a ter mais músculos que as do feminino.

O que significa que seu metabolismo é 3% a 10% mais elevado, de acordo com uma pesquisa publicada na revista científica Journal of Clinical Investigation. A idade também pode atuar contra nós.

Isso porque a taxa metabólica basal, ou TMB (número de calorias que o organismo consome apenas para manter as funções mínimas dos órgãos vitais), diminui de 3% a 5% por década quando completamos 18 anos. Não é possível alterar os genes nem a idade, mas existem algumas maneiras de acelerar a queima metabólica.

Primeiro, é preciso dormir o suficiente. Conforme uma pesquisa publicada na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences, pessoas que não dormem o necessário tendem a comer mais.

Outra pesquisa ainda mostrou que dormir menos de seis horas por noite implica em maior risco de ter sobrepeso. Depois de descansar, é preciso fazer exercícios. Cerca de 450g de músculo queimam até sete calorias por dia, comparado à queima de apenas duas calorias para cada 450g de gordura.

Então, “se você tem um metabolismo lento, a melhor maneira de causar um impacto é aumentar sua massa muscular”, afirma a nutricionista norte-americana Kim Larson.

2 – Perde peso rápido demais
Você já se perguntou por que as dietas em que se perde peso muito rápido não funcionam? Parte do problema é a dificuldade para mantê-las. Isso porque a privação severa tende a levar à alimentação excessiva.

Mas também porque adotar uma dieta com pouquíssimas calorias diminui o metabolismo em até 50%. O que favorece o ganho de peso mais tarde, segundo Kim. Quando privado das calorias de que precisa, o organismo entra em modo de sobrivência. E qual é o resultado?

Você vai se privar de calorias e, ainda assim, não vai ver o ponteiro da balança se mexer. Além disso, vai se sentir esgotado antes mesmo de começar a correr e não vai conseguir ter os benefícios de queima calórica e ganho de massa muscular.

Mesmo depois de retomar seus hábitos alimentares normais, seu organismo ainda estará em modo de sobrevivência, guardando o máximo de calorias que conseguir. E como você provavelmente terá perdido massa muscular, sua capacidade de queimar gordura terá sido ainda mais prejudicada.


Para descobrir os outros 3 motivos, não perca tempo, clique aqui e confira!

saiba antes via instagram @amaisinfluente