4.0 // ENTRETENIMENTO4.4 // MÚSICA 

Vem ver a lista completa de vencedores do “Grammy Latino” 2018

Las Vegas sediou ontem (15), a 19ª edição do Grammy Latino, que contou com 49 categorias e entregas de prêmios. Ufa! A cerimônia comprovou o favoritismo de Rosalía, que tinha cinco indicações e levou os troféus de melhor fusão/interpretação urbana e melhor música alternativa pelo hit “Malamente”, que bombou na Espanha. Em melhor fusão/interpretação urbana, ela derrotou, entre outros, “Sua Cara” do Major Lazer com Anitta e Pabllo Vittar.

J Balvin, liderando com oito indicações, perdeu na maioria delas. Ele levou somente o prêmio de melhor álbum de música urbana, com “Vibras”. Já no gênero pop, Maluma recebeu o troféu de melhor álbum pop contemporâneo e Laura Pausini o de melhor álbum pop tradicional.

Nas categorias direcionadas aos artistas brasileiros, os troféus ficaram com Fernanda Brum (melhor álbum cristão), Anaadi (melhor álbum pop contemporâneo), Lenine (melhor álbum de rock ou música alternativa), Maria Rita (melhor álbum de samba/pagode), Chico Buarque (melhor álbum de MPB e melhor música), Chitãozinho & Xororó (melhor álbum de música sertaneja) e Almir Sater & Renato Teixeira (melhor álbum de música de raízes). Anitta que concorria à dois prêmios, perdeu os dois!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Vem conferir a lista de vencedores:

Gravação do Ano: “Telefonía” – Jorge Drexler

Álbum do Ano: “¡MÉXICO Por Siempre!” – Luis Miguel

Música do Ano: “Telefonía” – Jorge Drexler

Melhor Artista Revelação: Karol G

Melhor Álbum Pop Vocal Contemporâneo: “F.A.M.E.” – Maluma

Melhor Álbum Pop Vocal Tradicional: “Hazte Sentir” – Laura Pausini

Melhor Fusão/Interpretação Urbana: “Malamente” – Rosalía

Melhor Álbum de Música Urbana: “Vibras” – J Balvin

Melhor Música Urbana: “Dura” – Daddy Yankee

Melhor Álbum de Rock: “Expectativas” – Bunbury

Melhor Álbum Pop/Rock: “Geometría del Rayo” – Manolo García

Melhor Música de Rock: “Tu Vida Mi Vida” – Fito Páez

Melhor Álbum de Música Alternativa: “Claroscura” – Aterciopelados

Melhor Música Alternativa: “Malamente” – Rosalía

Melhor Álbum de Salsa: “25/7” – Víctor Manuelle

Melhor Álbum de Cumbia/Vallenato: “Esto Es Vida” – Silvestre Dangond

Melhor Álbum Tropical Contemporâneo: “Vives” – Carlos Vives

Melhor Álbum Tropical Tradicional: “A Mí Qué – Tributo a los Clásicos Urbanos” – José ALberto El Canario & El Septeto Santiaguero

Melhor Álbum de Fusão Tropical: “Como Anillo Al Dedo” – Aymee Nuviola

Melhor Música Tropial: “Quiero Tempo” – Victor Manuelle fat. Juan Luis Guerra

Melhor Álbum Cantautor (Cantor-Compositor): “Salvavidas De Hielo” – Jorge Drexler

Melhor Álbum de Música Ranchera/Mariachi: “¡MÉXICO Por Siempre!” – Luis Miguel

Melhor Álbum de Música Banda: “Los Gustos Que Me Doy” – Banda Los Recoditos

Melhor Álbum de Música Tejana: “Tex Mex Funk” – Roger Velásquez & The Latin Legendz

Melhor Álbum de Música Norteña: “Guerra de Poder” – Calibre 50 e “Los Ángeles Existen” – Pesado

Melhor Música Regional Mexicana: “Probablemente” – Christian Nodal

Melhor Álbum Instrumental: “Identidad” – Miguel Siso

Melhor Álbum Folclórico: “Musas (Un Homenaje Al Folclore Latinoamericano En Manos De Los Macorinos), Vol. 2)” – Natalia Lafourcade

Melhor Álbum de Tango: “Vigor Tanguero” – Pedro Giraudo

Melhor Álbum de Música Flamenca: “Al Este Del Cante” – Arcángel

Melhor Álbum de Jazz Latino/Jazz: “Natureza Universal” – Hermeto Pascoal & Big Band

Melhor ÁLbum Cristão (Em Espanhol): “Setenta Veces Siete” – Alfareros

Melhor Álbum Cristão (Em Português): “Som da Minha Vida” – Fernanda Brum

Melhor Álbum Pop Contemporâneo Em Língua Portuguesa: “Noturno” – Anaadi

Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa Em Língua Portuguesa: “Lenine Em Trânsito” – Lenine

Melhor Álbum de Samba/Pagode: “Amor e Música” – Maria Rita

Melhor Álbum de Música Popular Brasileira: “Caravanas” – Chico Buarque

Melhor Álbum de Música Sertaneja: “Elas Em Evidências” – Chitãozinho & Xororó

Melhor Álbum de Música de Raízes Em Língua Portuguesa: “+AR” – Almir Sater & Renato Teixeira

Melhor Música Em Língua Portuguesa: “As Caravanas” – Chico Buarque

Melhor Álbum de Música Latina Para Crianças: “Imaginare” – Claraluna

Melhor Álbum de Música Clássica: “Mágica y Misteriosa” – Claudia Montero

Melhor Obra/Composição Clássica Contemporânea: “Luces y Sombras. Concierto Para Guitarra y Orquestra de Cuerdas” – Claudia Montero

Melhor Arranjo: “Se Le Ve” – Milton Salcedo feat. Amaury Gutiérrez, Carlos Oliva e Michel Puche

Melhor Capa: “Diferentes Tipos de Luz” – Carlos Sadness

Melhor Engenharia de Gravação Para um Álbum: “50 Años Tocando Para Ti” – Orquestra Filarmônica de Bogotá

Produtor(a) do Ano: Linda Briceño

Melhor Vídeo Musical Versão Curta: “Pa Dentro” – Juanes

Melhor Vídeo Musical Versão Longa: “En Letra de Otro – Documentary” – Pedro Capó

saiba antes via instagram @amaisinfluente