0.0 // GERAL 

Astronauta da NASA recebe mulheres empreendedoras

Nesta terça-feira (30), a astronauta Anna Fischer reunirá mulheres empreendedoras e profissionais relacionadas às áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática para uma roda de conversa no Consulado dos EUA, em São Paulo (Christelle Naha/UCLA)

Nesta terça-feira (30), a astronauta Anna Fischer reunirá mulheres empreendedoras e profissionais relacionadas às áreas de STEM (ciência, tecnologia, engenharia e matemática) para uma roda de conversa no Consulado dos Estados Unidos, em São Paulo.

O objetivo do encontro é debater a realidade brasileira de inclusão de mulheres no ecossistema de inovação, empreendedorismo e tecnologia. Entre as convidadas está a cofundadora da ELAS, primeira escola brasileira de liderança feminina, Carine Roos.

Em 1978, a Dra. Anna Fisher participou do primeiro grupo de seis mulheres selecionadas para se tornarem astronautas femininas na NASA. Ela é médica especializada em medicina de emergência e também formada em Química. Foi casada com o astronauta Bill Fisher. A Dra. Fisher é mãe de duas filhas e em 1984 se tornou a primeira mãe a ir ao espaço. Ao longo de sua carreira na NASA, ela participou do programa do ônibus espacial, da Estação Espacial Internacional e da cápsula Orion que está sendo desenvolvida pela NASA para lançamento espacial futuro.

Como representante da tripulação STS-5 até a STS-7 apoiou nos testes integrados de transporte espacial e testes de carga útil no Kennedy Space Center da NASA. Atuou como especialista da missão Discovery STS-51A em 1984. Durante a missão, a tripulação colocou em órbita dois satélites e serviu na primeira missão de resgate espacial, recuperando dois satélites para retornar à terra. Com a conclusão do seu primeiro voo, Fisher acumulou 192 horas no espaço.

A Dra. Fisher foi escalada como especialista da missão STS-61H antes do acidente com a Challenger e, em seguida, trabalhou como suplente no departamento de Desenvolvimento da Missão do escritório dos Astronautas durante o intervalo do programa do ônibus espacial. De 1989 a 1995, ela tirou licença do escritório para se dedicar à família. De 1996 a 2002, a Dra. Fisher chefiou a fase inicial da construção da Estação Espacial Internacional (ISS). De janeiro 2011 a agosto 2013, ela serviu como comunicadora com a capsula (CAPCOM) no centro de controle da missão. A Dra. Fisher também gerenciou o desenvolvimento de monitores para o veículo multiuso para tripulações Orion (MPCV). Em 2017, ela se aposentou da NASA aos 67 anos.

saiba antes via instagram @amaisinfluente