1.0 // FAMOSOS 

Junior Lima revela em entrevista que já teve síndrome do pânico

Músico faz terapia há mais de dez anos

Junior Lima voltou a ser destaque no meio musical. O retorno da dupla com a irmã Sandy para uma turnê comemorativa de 30 anos de carreira deu a oportunidade de revelar para a mídia muitos segredos da época em que a dupla havia se separado, e um deles foi que o cantor já sofreu com a síndrome do pânico.

Em entrevista ao programa da apresentadora Sabrina Sato, no Youtube, o cantor de 35 anos de idade, conta que começou a fazer psicoterapia aos 21.

Questionado se a visibilidade não mexeu com o lado emocional, Júnior respondeu que nunca é mil maravilhas. “Tive minha fase meio ‘deprê’. Tive pânico. Tive um monte de coisa”, conta.

Junior revelou também que chegou a ter síndrome do pânico. “Faz uns sete, oito anos. Foi um tempo depois que separou (a dupla Sandy e Junior). Na época era tudo tão intenso e grandioso que eu não consegui absorver as coisas. Meio que me anestesiava e não conseguia sentir as coisas”, lembra.

Na opinião do cantor, o fim da dupla com Sandy foi importante para que cada um seguisse seu caminho: “Fez muito bem pra gente. A gente pôde desenvolver outras coisas, aprender outras coisas, absorver outros universos. Puxa, eu tive uma banda de rock, de soul, de música eletrônica!”, explica.

saiba antes via instagram @amaisinfluente