0.0 // GERAL 

1ª edição do DNA do Amor realiza exames gratuitos no Museu do Ipiranga

Fundação Instituto de Pesquisa e Estudo de Diagnóstico por Imagem (FIDI), responsável por gerir sistemas de diagnóstico por imagem em 85 unidades na rede pública de saúde, participará do evento “DNA do Amor”, realizado por amigos e familiares para homenagear um ano da partida do Dr. Roberto Kikawa, médico criador das carretas de saúde. A reunião ocorrerá no dia 10 de novembro de 2019 no Museu do Ipiranga (São Paulo), das 9h às 17h. Durante o encontro, estão previstas também as visitas de vereadores de São Paulo, da Secretaria Municipal e de ONGs.

Para marcar a data, amigos e parceiros farão discursos para inspirar as pessoas a se engajarem em causas sociais, além de ter atendimentos gratuitos de saúde para homens, mulheres e idosos, que serão realizadas por voluntários. A FIDI será responsável pela doação de insumos para realização de exames e testes durante o evento, que terá o atendimento aberto à população. Com o material, será possível fazer exames oftalmológicos e ginecológicos.

Para Cristiane Claro, coordenadora de relacionamentos institucionais da FIDI, é um enorme prazer poder homenagear o Dr. Roberto Kikawa. “O DNA do Amor será marcado como um evento que mostra a importância do amor, do cuidado e da união das pessoas. O Dr. Roberto Kikawa foi essencial para que mais de 2 milhões de pessoas tivessem acesso a atendimentos médicos realizados em unidades móveis de saúde, o que transformou a vida de muitas pessoas”, comenta.

Dr. Roberto Kikawa

Após seu pai ter morrido de câncer, Roberto se dedicou ao máximo na prevenção de doenças e acolhimento à população para atendimento de saúde humanizado.

O médico foi vencedor de inúmeros prêmios nacionais e internacionais de projetos sociais, além de fundador de negócios de impacto social como a Fleximedical (em 2004) e o CIES (em 2008). Foi responsável por beneficiar mais de 2 milhões de pessoas com serviços gratuitos em unidades móveis de saúde.

No dia 10 de novembro de 2018, aos 48 anos de idade, Roberto foi assassinado em uma tentativa de assalto no bairro do Ipiranga, na cidade de São Paulo.

Serviço: DNA do Amor

Data: 10 de novembro

Horário: das 9h às 17h.

Local: Museu do Ipiranga (ao lado do Monumento) – Praça do Monumento, s/nº – Ipiranga, São Paulo

saiba antes via instagram @amaisinfluente