MAISMAISMAIS 

Do Pará para o mundo. Conheça a história de Débora de Souza.

(Crédito da foto: Divulgação)

Uma mulher que acreditou em seus sonhos, e, mesmo com as intempéries da vida, chegou onde está. Determinada e talentosa, a menina do Pará voou para longe. Ela encanta as mais diversas celebridades com a arte de maquiar impecavelmente e fala 5 idiomas (português, inglês, alemão, espanhol, francês). Saiba mais sobre a história de Débora de Souza Denecke. O bate-papo que tivemos com ela foi incrível! Você certamente ficará inspirada (o) com esta história.

Débora, antes de começarmos a falar da sua carreira como maquiadora, gostaria que falasse para o público da Mais Mais Mais sobre a sua história de superação. Você perdeu a sua mãe aos 15 anos, conheceu o seu pai biológico aos 30 e há 5 anos, ele faleceu de câncer. Teve um relacionamento abusivo com o pai do seu filho, tentou se suicidar por duas vezes, se separou e hoje está casada com um rapaz que considera como um anjo que a salvou. Resiliência é o seu sobrenome, certo? Tudo isso contribuiu para que seja a mulher bem-sucedida que és?


Realmente é verdade. As intempéries que a vida me causou fizeram com que eu tomasse decisões. Optei por ser otimista diante das circunstâncias. Eu acreditei que a vida podia ser melhor se eu enfrentasse cada obstáculo com determinação a vencer. Hoje tenho resultados excelentes, vivendo na prática sonhos que me impulsionaram a não desistir, mas dar a volta por cima.

Conheceu o seu atual marido em Bremem na Alemanha , durante um curso de secretariado , e inclusive , a incentivou para fazer o seu primeiro de make up e hairstylist em Paris. A sua paixão pela maquiagem começa a partir de então ou a sua história com ela vem desde o Pará ?

A minha história vem desde o Pará. Minhas lembranças são diamantes. Convivi com pessoas que foram apaixonadas por beleza e moda. Tenho exemplo da minha mãe! Parecia um jardim perfumado com seus produtos de beleza e perfumes! Tenho também uma tia também que sempre trabalhou com moda e eu ficava deslumbrada com os manequins, desfiles e o desempenho dela em viver esse mundo de cores. Era algo que ficava encantada e isso me motivou muito.

Você fez diversas especializações e estágios pela Europa e hoje você tem uma empresa onde atual como mobilemakeupartist e uma parceria de beleza com – fotógrafos, videomakers, maquiadores e hairtylists. O caminho foi árduo até chegar a tê-la?

Sem dúvida, o caminho para a conquista da minha empresa foi um processo difícil. Cada etapa concluída foi planejada junto ao meu marido Thomas com erros e acertos. Mas graças ao bom Deus conseguimos juntos a realização de mais um sonho.

Paris Fashion Week, Festival de Cannes… eventos superimportantes no globo! Você já os faz tem 2 anos. Como chegou até eles?

Caminho longo também (risos)! Fiz a academia de make e hairstylist em Paris, finalizando com muitos estágios. Ao longo desse período tive contatos com pessoas que me indicaram através do meu desempenho para os maiores eventos que acontecem na França. Sinto muita gratidão por elas!

Tem alguma celebridade internacional que você maquiou e que lhe marcou mais?

Foi em um dos estágios com a Academia de Make up, em Paris. Tive o privilégio de maquiar a top model com vitiligo, Winnie Harlow. Nossa foi algo incrível que aconteceu, pois não sabia que era ela naquele momento , e também nós nem podemos tirar fotos durante o trabalho.

Fiquei sem reação se era pra cobrir as manchinhas ou não sabe. Lembro-me que ela viu que eu estava ali esperando alguém me falar algo para começar e ela me deu um toque dizendo em “inglês “ para não cobrir as manchas. Era só passar a base nas outras áreas sem. Essa experiência nunca vou esquecer pois nem foto tirei.

Débora com Orlando Moraes (Crédito: Divulgação)

E quando falamos dos nossos conterrâneos quando estão em terras europeias fazendo shows. A lista é grande, mas, nestes anos de carreira, quais foram as sessões de make up com eles que mais lhe marcaram?

Fui privilegiada em maquiar Margareth Menezes, Mileide Mihaile , Orlando Morais e banda , Leonardo e seu ballet, entre outros . Porém, vou relatar um fato que me marcou muito com a Equipe do
Leonardo.

Tenho lembranças de uma tia minha que acordava ouvindo Leandro e Leonardo ( risos ) todos os dias. Infelizmente ela faleceu há muitos anos atrás. E nunca poderia imaginar que um dia estaria maquiando-os! Uau! Parecia um sonho tão distante. Neste dia, confesso que fiquei emocionada, pois o sonho virou realidade a equipe dele é de muita luz, sensacional. Só tenho gratidão!

7) No Brasil, nos anos de 2018 e 2019, você fez estágio de maquiagem na Portela e na Viradouro, levando para sua empresa no exterior a experiência das maquiagens carnavalescas daqui e também trazendo as tendências da Europa para cá. Voltou como madrinha da maquiagem da Unidos do Viradouro, trabalhando ao lado de grandes nomes como Paulo Barros em 2019.Maquiar no carnaval é muito diferente?

A experiência que obtive no Brasil durante o Carnaval foi incrível! Diferente de tudo que já vivi por aqui! Eu me dediquei bastante, foram dias e noites sem dormir indo e vindo da cidade do samba com a equipe nos testes da comissão de frente. O clima diferente, o contato com o povo… foi maravilhoso, ao contrário daqui. Foi cansativo, porém amei a experiência e trazer comigo as técnicas brasileiras da folia!

Débora, como está lidando com esta atual fase que o planeta está vivendo?

É uma realidade dura para todos nós. Mas acredito que tudo vai passar e ficará uma grande lição para todos desse mundo e desta atual geração. O momento é manter a cautela e o equilíbrio, descobrir algo novo ou resgatar momentos em família . Momentos de reflexão total!

Um dos trabalhados de Débora inspirados no carnaval brasileiro (Crédito: Divulgação)

Muitas mulheres estão fazendo home office em casa. Maquiar-se para dar aquele “tcham” no visual é uma boa pedida para que elas se sintam mais integradas a esta nova situação? Quais são as dicas que você dá?

Com certeza, um leve toque na maquiagem faz toda diferença. O uso de uma máscara efeito volume nos cílios (rímel ) para realçar o olhar, no rosto uma base de cobertura leve que contenha filtro solar, conforme a tonalidade da sua pele, depois um pouco de pó solto e um toque suave de blush e finalmente contornar os lábios com um batom nude ou ousar em um vermelho Chanel – sei que as brasileiras adoram! Perfeita combinação para quem está em frente às telas em home office, né?!

Como resiliente que és, qual é a mensagem que você deixa para quem está lendo esta matéria, e por vezes, precisa de um estímulo para que não desista dos seus sonhos?

Seja apaixonado pelos seus sonhos! Desistir não é uma opção. Você pode sentir vontade, mas prove que você pode se levantar com atitudes positivas e acreditar que algo novo te espera. Nunca pare de lutar! Nós fomos criados para objetivos, precisamos olhar para frente. Tenha algo pelo qual esteja trabalhando. Ser uma pessoa que tem um sonho e orientada a uma meta é muito importante. Não se recuse a parar no decorrer da estrada, as pessoas que não desistem fácil vão chegar a linha de chegada. Cedo ou tarde.

saiba antes via instagram @amaisinfluente