2.0 // FAMOSOS 

Atriz que dublava princesas das Disney, relata racismo

A atriz e dubladora brasileira Fernanda Ribeiro, de 18 anos, relatou nas redes sociais esta semana que sofreu forte preconceito ao contar para os seguidores que já dublou princesas da Disney na infância, entre elas, a Rapuzel criança no filme “Enrolados”, em 2010.

Segundo Fernanda, vários internautas duvidaram e pediram para a atriz provar que estava falando a verdade. A dubladora, que e irmã do ator mirim Igor Marrçal, de “Salve-se quem puder”, desabafou no Instagram e afirmou ter sofrido racismo.

“Durante uma postagem minha em uma das minhas redes sociais, fui mostrar meus personagens que dublei quando pequena, princesas da Disney, mas tive que provar que eu realmente dublei simplesmente porque sou negra. O racismo é uma doença sem remédio e nem cura, e eles ainda seguem acreditando na impunidade. Quando vão parar?, postou.

Fernanda ainda revelou que ficou bastante abalada com os comentários insinuando que ela não poderia dublar uma princesa branca por ser negra.

“Postei esse vídeo no meu Tik Tok (assista abaixo), e junto com muitos comentários de carinho, tiveram pessoas falando que não era eu, dizendo: ‘Ah, ela sonhou que dublou’, ‘não parece nenhum pouco’. O vídeo teve 1 milhão de views e foi compartilhado por vários Instagrans, foi ler e vi muitos comentários racistas, de pessoas duvidando de mim, insinuando que não podia dublar uma princesa porque eu sou negra. Fiquei muito triste, diz.

Fernanda dublou ainda a princesa Merida na fase infantil em “Valente (2012) e também a Princesa Charlotte, de “A princesa e o sapo (2009)”. A jovem é atriz desde os 5 anos e ja atuou em da novelas como “Avenida Brasil”, “Rebelde”, e da produções “A lei do crime”, “O sítio do pica pau amarelo”.

“O racismo não é uma coisa normal e a gente tem que lutar contra. Quantos brancos já dublaram personagens negros e quantos negros como eu já dublaram personagens brancos. Isso é supernormal”.

saiba antes via instagram @amaisinfluente