PUBLICIDADE

deu babado

A atriz Viviane Araújo perde processo contra o ex-marido Radamés e Caroline Furlan

Viviane Araújo perdeu o processo de danos morais que movia contra seu ex-marido Radamés Martins e a atual esposa dele, Caroline Furlan, desde maio deste ano. A ação foi iniciada após Caroline fazer comentários direcionadas à rainha de bateria e seus seguidores, em virtude de uma reportagem falando sobre um acordo financeiro feito por Viviane e Radamés, quando se separaram.

Na sentença assinada pela juíza Priscilla Ferreira Nobre Rocha, a qual o Metrópoles teve acesso, a magistrada alegou não ter ficado claro se as ofensas se referiam a Viviane, além de considerar que as conversas anexadas ao processo foram feitas em ambiente privado.

“Deste modo, embora as referências feitas pelos réus à autora em suas redes sociais possam ter sido desagradáveis à mesma, não se mostram aptas à configuração de dano moral indenizável, não tendo os réus extrapolado o direito de expressão. Também cumpre destacar que a doutrina mais abalizada é uníssona em afirmar que o mero dissabor, discussões do dia a dia que não afetem à intimidade, não são capazes para justificar a existência do dano moral”, diz a sentença. Leia na íntegra:

Sentença do processo de danos morais movido por Viviane Araújo contra Radamés e Caroline Furlan by Ranyelle Andrade on Scribd


Procurada pelo Metrópoles, Caroline Furlan disse esperar que a decisão feche esse “capítulo desagradável” de sua história. “Sempre tivemos confiança de que não cometemos nenhuma ofensa cabível de dano moral, achei o processo desnecessário desde o início. Nosso desejo sempre foi virar essa página e ter nossos nomes desvinculados. Para nós, é uma situação bem desagradável“, resumiu a especialista em finanças. Ela ainda enviou um vídeo de seu advogado comentando a decisão.

O portal também tentou contato com a assessoria de Viviane Araújo e seu advogado, Newton Dias, mas ainda não obteve retorno.

Entenda

Em maio, uma reportagem relembrou um acordo judicial feito entre Viviane e Radamés, no qual ela teria pagado R$ 400 mil ao ex-marido, referente à metade do valor de um apartamento que eles compraram juntos no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio.

A publicação não teria mencionado, no entanto, que investimento teria sido feito pelos dois, o que irritou o jogador e sua esposa. “Esse acordo foi feito há mais de um ano, mas por que foi publicado hoje? Porque os fãs de Viviane bateram boca com a minha mulher nas redes sociais, há uns 10 dias, dizendo que ela teria inveja da Viviane. A Carol, minha esposa, disse: ‘nunca vou ter inveja de uma pessoa tão vulgar quanto ela’”, disse Radamés ao colunista Leo Dias.

Por meio de sua assessoria, Viviane negou que tenha provocado à imprensa. “Não entendi essa nota de um assunto que foi finalizado há quase dois anos. Não sei o motivo de estarem falando isso agora. Isso pra mim é passado. Estamos passando por um momento de muita tristeza no nosso país. Estou muito preocupada com essa pandemia. É um momento de solidariedade, união e amor. É só o que tenho a falar no momento”, comentou Viviane, na época.

Por: Metrópoles

PUBLICIDADE