PUBLICIDADE

celebridades

Após afirmar que a Rússia é comunista, Ana Maria Braga se corrige

Ana Maria Braga se corrigiu no Mais Você desta terça-feira (8/3) após afirmar, durante o programa de segunda (7/3), que a Rússia é um país comunista. “Ontem eu errei ao dizer que a Rússia ainda é um país comunista, a sensação que se tem hoje é que seja, pelo comportamento de seu representante, o Putin”, iniciou a apresentadora.

“Essa mudança aconteceu em 26 de dezembro de 1991 com a declaração de reconhecimento da independência das antigas repúblicas soviéticas, que seria Rússia, Ucrânia e a ex Bielorrússia, atual Belarus”, explicou Ana Maria, que voltou de férias nessa segunda.

Entenda

Ana Maria Braga cometeu uma gafe durante o Mais Você dessa segunda-feira, data em que voltou ao matinal após um período de férias. Ao comentar o conflito entre Ucrânia e Rússia, a apresentadora afirmou que o país comandado por Vladimir Putin tem um regime comunista.

“A gente não pode esquecer também que dentro do país, seja ele qual for, como a Rússia, quando você vê um dirigente como o Putin fazendo o que faz, obviamente existem muitos russos que são contra a guerra”, disse Ana em conversa com Renato Peters.

“A gente tá vendo várias manifestações, mas tem muita gente sendo presa por estar se manifestando contra. E com violência”, respondeu o jornalista. Em seguida, Ana disse: “É um regime comunista, né? Você não pode dizer ‘não’ sem ordem. Tem que dizer ‘sim’ pra tudo.”

Acontece que a Rússia deixou de ser comunista com a queda da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) em 1991. O país comandado por Vladimir Putin, ainda que com características próprias, é capitalista

PUBLICIDADE