PUBLICIDADE

ARQUIVO ///

Roberto Rodrigues: Cão na linha treina cães usando técnicas e muita psicologia

Há 10 anos na Polícia Militar, João Vitor Ferreira, formou-se  em cinotecnia (ciência responsável pelo estudo comportamental, psicologia e anatomia dos cães) e transformou o melhor amigo do homem em sua companhia frequente.

Além de treinar e ter a companhia dos cães em suas ações policiais, está à frente do Projeto Cão na Linha, que atende pessoas que têm dificuldades em se relacionar com os cães e é especializado em treinar e deixar o pet mais sociável.

Um de seus maiores desafios é transformar cães agressivos em dóceis e dá dicas para quem enfrenta dificuldades com o seu cão que faz xixi em todo o canto da casa:
“O animal sempre vai procurar superfícies de absorção, por isso, tira os tapetes da casa e não deixe as almofadas no chão e estimule seu pet a fazer as necessidades no tapetinho higiênico, quando ele fizer, faça com que ele entenda e faça um carinho, ou dê um petisco. Ele entenderá e só fará nesse local”, declara o expert em pets.
E apesar de ser apaixonado por cães e conviver com eles, boa parte de seu tempo, João Victor não tem pets, devido às atividades profissionais.
“Moro sozinho e seria difícil dar a atenção que eles merecem.”, diz o treinador.
Instagram:  @caonalinha
PUBLICIDADE