PUBLICIDADE

1.0 - FAMOSOS4.0 - MODA

Donatella Versace: “não quero matar animais para fazer moda”

Em uma entrevista para Luke Leitch, da The Economist 1843, Donatella Versace afirmou seu descontentamento com o uso de pele animal em suas criações. “Pele? Estou fora”, disse .“Não quero matar animais para fazer moda. Não sinto que isso é certo.”As casas fashion tem repensado esse uso em suas criações. É o caso da Gucci, que não apenas parou de comercializar pelugem como deu statements valiosos sobre o tema, quando o presidente da marca, Marco Bizzarri, afirmou que usar pele é antiquado. Tom Ford, Givenchy e Michael Kors também deixaram esse uso de lado. Mas a decisão da Versace tem impacto diferente.

Além da marca ter evitado qualquer polêmica até então, a label tem uma imagem construída no luxo e no poder. Quando Versace não é mais sinônimo de um lugar no qual encontraríamos um casaco de pele, é preciso notar que as coisas na moda estão mudando de verdade.

Outros indícios disso são a guinada conscientemente política de Donatella Versace, que estampou as palavras união, amor, coragem e lealdade em sua coleção de primavera.

 

 

Foto: Reprodução

Fonte: Elle

PUBLICIDADE