PUBLICIDADE

família

O apresentador Rodrigo Hilbert revela que filha caçula prefere a mãe: “Fico frustrado”

O apresentador Rodrigo Hilbert já ganhou fama de homem perfeito nas redes sociais. Marido, pai, apresentador e cozinheiro, ele surpreendeu ao admitir que tem falhas e se sente frustrado por não conseguir ajudar a esposa, Fernanda Lima, a cuidar da filha caçula, Maria, de apenas 1 ano de idade.

Hilbert se considera uma pessoa “normal” e contou, em entrevista à Patrícia Kogut, do jornal O Globo, que a pequena prefere ficar com a mãe.

“Sou supernormal, nada a mais do que ninguém. A Maria parece que ainda não saiu de dentro da Fernanda. Fica colada nela. Tem ciúme do pai, e o pai fica nervoso (risos). Ela só mama no peito até hoje. Colocamos uma cama grande no chão do quarto e ficamos ali. Maria ama”, contou o ator.

“Ela vai rolando até encostar na Fernanda. Quando encosta em mim, chora, porque sabe que não é a mãe. Eu fico agoniado. Tento botar chupeta, dar uma ninada. Fico frustrado. Digo: ‘Desculpe, amor, não consegui ajudar de novo’. Fernanda entende que estou tentando”, afirmou apresentador do canal GNT.

Preocupado, Rodrigo tenta como pode dividir as demandas familiares com a mulher. “Eu faço coisa em casa, divido as tarefas, mas ainda saio devendo muito para a Fernanda. Ela está há um ano sem dormir direito uma noite inteira com a Maria. Fico sofrendo, tentando tirar esse peso dela”, disse. Ele reconhece o trabalho de Fernanda como mãe: “É uma supermãe. Impressionante como ela consegue fazer as crianças se organizarem”.

Rodrigo e Fernanda, casados desde 2006, também são pais de João e Francisco, gêmeos atualmente com 12 anos.

Por: Metrópoles

PUBLICIDADE