PUBLICIDADE

1.0 - FAMOSOS

Regina Duarte deixa Ministério e ganha a Cinemateca de SP

A atriz Regina Duarte anunciou hoje (20) pela manhã, ao lado do presidente Jair Bolsonaro, sua saída do Ministério da Cultura. Em um vídeo gravado com ele, a então secretária especial da Cultura questionou o presidente sobre uma possível “fritura” que vinha recebendo ao seu trabalho.

A justificativa dela para deixar o cargo foi a distância de sua família, que está em São Paulo, mas disse ter sido presenteada com um novo cargo no Governo. Ela irá assumir a cinemateca na Capital Paulista. “Acabo de ganhar um presente que é o sonho de qualquer profissional de comunicação, de audiovisual, de cinema e de teatro, um convite para fazer cinemateca, que é um braço da cultura em São Paulo. Ficar secretaria o governo na cultura dentro da cinemateca. Pode ter presente maior do que isso?”, disse a atriz no vídeo.

Ela deixa o cargo após dois meses a frente da pasta e nos próximos dias fará a transição dos projetos realizados no período em que esteve no comando.

CINEMATECA

A Cinemateca Brasileira é a instituição responsável pela preservação e difusão da produção audiovisual brasileira. Tem o maior acervo da América do Sul, formado por cerca de 250 mil rolos de filmes e mais de um milhão de documentos relacionados ao cinema, como fotos, roteiros, cartazes e livros, entre outros.

PUBLICIDADE