PUBLICIDADE

1.0 - FAMOSOS

Será que a cantora Kesha sairá do mundo da música?

Em outubro de 2014, a cantora Kesha entrou com um processo contra o empresário Dr. Luke, responsável pela produção e divulgação de sua música. Ela alega ter sofrido abusos físicos e sexuais por parte dele, além de pedir que seja rompido o monópolio que a Sony e a gravadora Kemosabe Records têm sobre suas produções – que, vale lembrar, estão paradas desde 2012, quando ela lançou o álbum Warrior. Seu primeiro lançamento solo em 2010, Animals, ficou em primeiro lugar na Billboard, vendeu 152 mil cópias e teve singles que dominaram outras listas mundo afora.

cantora-kesha

“Até que esta corte decida sobre a sentença declaratória, Kesha está em um impasse: sem músicas novas para apresentar, não pode fazer turnês. Fora das rádios, dos palcos e dos holofotes, ela também não consegue atrair a atenção da mídia. O valor de mercado dela decaiu e, a menos que o tribunal acarrete esta ação, Kesha sofrerá danos irreparáveis, levando sua carreira à um ponto sem volta”.

Atualização do caso

Kesha foi derrotada na primeira audiência do processo, que foi realizada no dia 19 de fevereiro de 2016, em Nova Iorque. Essa foi só a primeira batalha que a cantora deve enfrentar contra o produtor, já que a audiência oficial sobre o caso deve acontecer apenas em 2017.

De acordo com o veículo The Hollywood Reporter, a defesa de Luke teria argumentado que foram investidos mais de US$ 60 milhões na carreira da artista. Por isso, apesar de já ter concordado em deixá-la gravar novos trabalhos sem a sua participação, Luke ainda lucraria por ser empresário e dono do selo fonográfico.

PUBLICIDADE