PUBLICIDADE

celebridades

Por mais de R$ 400 mil, documento raro de Michael Jackson é vendido 

Um documento raro de Michael Jackson foi vendido por R$ 409 mil na internet. O site Moments in Time apresentou o requerimento de passaporte do cantor, que conta com dados particulares, foto oficial e a assinatura do Rei do Pop.

 

Informações como data e local de nascimento, endereço de onde ele mora na época e profissão estão registrados no papel. Segundo o TMZ, Michael Jackson perdeu o passaporte no início dos anos 1990 e solicitou um novo documento, gerando o requerimento vendido pelo alto valor.

Mesmo após a morte do cantor, os fãs devem continuar atentos às notícias. Tito Jackson, irmão de Michael, afirmou, em entrevista ao The Sun, que o Rei do Pop tem muitas músicas inéditas para lançar. A intenção é gravar um novo álbum de estúdio.

PUBLICIDADE