PUBLICIDADE

1.0 - FAMOSOS

Ainda repercurte: Val Marchiori é condenada a pagar 30 mil reais a Ludmilla após comentário considerado racista, mas vai recorrer

A 3ª Vara Cível da Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio de Janeiro condenou a socialite Val Marchiori a pagar 30 mil reais a Ludmilla, após um comentário considerado racista feito pela loira em uma transmissão do Carnaval, em 2016, informou o colunista Ancelmo Góis.

Durante apresentação da festa na RedeTV!, na Marquês de Sapucaí, Ludmilla, que desfilou pela Salgueiro, foi descrita da seguinte maneira por Val:

A fantasia está bonita, a maquiagem… agora, o cabelo… hello! Esse cabelo dela está parecendo um bombril, gente.

Em 2018, ela já havia sido condenada a pagar 10 mil reais, mas a sentença foi anulada, e, agora, Val pretende recorrer , segundo sua advogada, Kátia Antunes, contou ao jornal Extra:

Recebemos a decisão com surpresa porque a primeira sentença tinha sido anulada. Vamos recorrer. O que vai ficar ainda mais claro nos autos é que a Val chegou a procurar a Ludmilla no ano passado, assim que soube que a cantora ficou ofendida, justamente para esclarecer. Porque essa nunca foi a intenção. Ela fez um comentário irreverente sobre a peruca, um adereço de fantasia. De forma alguma queria fazer uma referência ao cabelo da Ludmilla e ser racista.

Sobre o tal pedido de desculpa, Ludmilla já havia respondido, dizendo que seria apenas desculpa de telão.

Ludmilla responde à condenação

Ao colunista Leo Dias, Ludmilla, pouco após a publicação da notícia por Ancelmo, afirmou:

Não sabia [que tinha saído a condenação]. Ela tentou me pagar R$ 10 mil, mas não aceitei e pedi para os advogados recorrerem.

Por: Estrelando

PUBLICIDADE