PUBLICIDADE

Miriam Freitas

Miriam Freitas: YAMANDU COSTA, um dos maiores nomes do violão, se apresenta em Nice-França dia 30/10 no Vigésimo segundo “Nice Guitar Festival”

 

Yamandu Costa, violonista e compositor brasileiro. Adepto do violão de sete cordas modelo brasileiro, é considerado um dos maiores violonistas do Brasil e do mundo

Sábado , 30 de outubro, 21h00
Yamandu Costa é um compositor e violonista brasileiro nascido em 24 de janeiro de 1980 em Passo Fundo, Rio Grande do Sul, Brasil. Yamandu Costa começou a tocar violão aos 7 anos com seu pai Algacir Costa, vocalista do grupo musical Os Fronteiriços (Les Frontaliers). Ele aperfeiçoou suas habilidades com Lúcio Yanel, um virtuoso argentino que vive no Brasil. Até os 15 anos, sua única escola era música regional do sul do Brasil, Argentina e Uruguai. Depois de ouvir Radamés Gnatalli, fez novas pesquisas sobre outros músicos brasileiros como Baden Powell, Tom Jobim, Raphael Rabello, entre outros.

Yamandu Costa se destaca por suas interpretações virtuosas de choros, (o clássico samba dos anos 1920) e bossa nova. Mas ele é apaixonado por todos os gêneros musicais, como milongas, tangos, zambas e chamamé e outros ritmos da cultura brasileira. Este músico não pertence a nenhum movimento musical: criou o seu próprio estilo com o seu instrumento preferido, o violão de 7 cordas. É um verdadeiro evento poder recebê-lo no Festival de Guitarra de Nice este ano.

Yamandu Costa é na atualidade o músico brasileiro que mais se apresenta no exterior, abrangendo os mais diversos países do globo: França, Portugal, Espanha, Bélgica,  Alemanha, Itália, Áustria, Suíça, Liechtenstein, Monte Carlo, Holanda, Suécia, Noruega, Finlândia, Estônia, Eslovênia, Rússia, Lituânia, Sérvia, EUA, Canadá, Austrália, Índia, China, Japão, Coréia do Sul, Grécia, Macedônia, República Tcheca, Israel, Chipre, Zimbabwe, Cabo Verde, Angola, Moçambique, La Reunión, Emirados Árabes, Kuwait, Tunísia, Irã, Equador, Cuba, Colômbia, Chile, Argentina, Uruguai, México, Paraguai e Costa Rica.

Apresentou-se e compôs com renomados artistas como: Bob McFerrin, Melody Gardot, Richard Galliano, Vincent Peirani, Anat Cohen, Daniel Mille, Sylvain Luc, Alfredo Rodriguez, António Zambujo, Pepe Romero, Juan Falú, Luis Salinas, Richard Scofano, Elodie Bouny, Pedro Jóia, Carlos Nuñez, Doug de Vries, Gerardo Núñez, Vladimir Sumin, Vladimir  Markushevich, Mayra Andrade, Gilberto Gil, Djavan, Hermeto Pascoal, Toquinho, João Bosco, Ney Matogrosso, Roberta Sá, Dominguinhos, Naná Vasconcelos, Renato Borghetti, Hamilton de Holanda, Toquinho, João Bosco, Armandinho Macedo, Elba Ramalho, Mario Adnet,  obertinho Silva, Época de Ouro, Trio Madeira Brasil, Alexis Cardenas & Recoveco, Alessandro Penezzi, Ricardo Herz, Gabriel Grossi, Nicolas Krassik, Mestrinho, Rudi Flores, Luis Carlos Borges e Alegre Corrêa.

“ Música para mim é remédio, é forma de vida. As pessoas ainda entendem de uma maneira bastante superficial essa linguagem. Acho que se a música fizesse parte do dia a dia das pessoas, sem dúvida os dias teriam mais sentido, mais profundidade”.
Yamandu Costa

Fotos- divulgação
Instagram @yamandu.Costa.oficial

Por:Míriam Freitas
Colunista Social
Rio de Janeiro
Em viagem Europa

PUBLICIDADE