PUBLICIDADE

1.0 - FAMOSOS

Vasco da Gama lança campanha em apoio ao Outubro Rosa

Por: Sonia Andrade

Contando com uma mulher na vice-presidência, o clube busca chamar atenção para a importância da prevenção ao câncer de mama.
Neste mês de outubro, o Club de Regatas Vasco da Gama realizará diversas iniciativas em apoio a campanha mundial de conscientização sobre a prevenção ao câncer de mama. O objetivo é alertar o público feminino e a sociedade como um todo sobre a importância do auto-exame para um diagnóstico precoce da doença, responsável pela morte de milhares de mulheres por ano só no Brasil.
O dia 14 de outubro foi a data escolhida pelo time para colocar em prática algumas das ações planejadas. A ideia é transformar a partida contra o Cruzeiro em um evento no qual a informação – principal aliada para se vencer o câncer – seja a convidada principal. Para isso, mensagens de apoio e instruções de como se prevenir e identificar os sintomas ainda na fase inicial serão expostas no estádio através de faixas, camisas diferenciadas e cartilhas.
A campanha já conta com o apoio de alguns famosos que abraçam a causa, como Juliana Paes. A atriz aparecerá nos telões para falar sobre o tema, informar o público sobre as estatísticas atuais e enfatizar a importância da prevenção. Os jogadores também se manifestarão a favor da luta contra o câncer através de vídeos e adentrando o gramado na companhia de suas esposas e namoradas.
Desde o início do ano, momento no qual ocorreu a troca de gestão, o Club de Regatas Vasco da Gama vem se destacando no campo social. A atual vice-presidente do time – Sônia Andrade – acredita que a inclusão e a responsabilidade social são extremamente necessárias no esporte. “Podemos e devemos dar visibilidade para as causas sociais. Todos os clubes, grandes ou pequenos, devem fazer a sua parte”, afirma Sônia.
Além da nova campanha de apoio ao Outubro Rosa, o clube também está à frente de outros projetos sociais. Por exemplo, com o tema “Não é não. Respeito é bom e eu gosto”, o cruz-maltino está implementando uma outra ação, que visa erradicar o assédio que tantas mulheres sofrem nas arquibancadas de estádios de futebol e na vida. A ideia central por trás desses projetos é que o Vasco possa colaborar com as questões do mundo, de modo que o resultado seja um clima mais acolhedor dentro e fora do ambiente esportivo.

PUBLICIDADE