PUBLICIDADE

Miriam Freitas

Miriam Freitas: Parabéns Rio de Janeiro!!

Parabéns Rio de Janeiro!!
01/02021

@riodejaneiro._

“Como carioca eu não poderia deixar de expressar o meu Amor e os meus parabéns a minha cidade Rio de Janeiro, pelos 456 anos de existência no dia 01/03” 

E a cidade do Rio de Janeiro continua maravilhosa, do alto vista pelo Cristo Redentor.

@riodejaneiro._

Rio do sol, samba, praias, montanhas e lagoas. Rio do papo gostoso na esquina, do Maracanã, da boemia na Lapa, e do calçadão mais famoso do mundo, Copacabana. O Rio é do Carnaval, mas também dos museus, dos Teatros, dos parques e Igrejas.. Nesse momento de Pandemia o Rio não tem muito a comemorar, toda sua beleza aguarda por dias melhores, e por seres humanos conscientes que é o momento de recolhimento, para que em breve possamos estar juntos, sem receios, abraçados,
ao som de muitas risadas, coco gelado, chopp na praia com os amigos.
E quando tudo isso passar, poderemos continuar recebendo gente de todo mundo, que sabe que o Rio de Janeiro é a cidade mais linda do mundo, e que a nossa Cidade Maravilhosa irá acolher todos de braços abertos!

Ao longo dos anos, o Rio de Janeiro serviu de inspiração para muitos artistas, que fazem da cidade tema de suas obras.

Há retratos do cotidiano carioca, descrições de estados de espírito, críticas sociais e declarações de amor a bairros específicos. O elenco é estelar e, nas linhas é possível apreciar os versos de um Carlos
Drummond de Andrade apaixonado pela paisagem carioca; lembranças de Vinicius de Moraes sobre o bairro da Ilha do Governador, onde passou a infância; a homenagem de Manuel Bandeira ao aniversário de 400 anos da cidade (comemorado em 1965); o olhar de Murilo Mendes sobre a noite carioca; a angústia de Waly Salomão que virou música pelas mãos de Jards Macalé, entre outros.

Moraes Moreira

Quatrocentos e cinquenta janeiros
Tem este Rio
Nas águas do desafio
Esta cidade se aguenta
Resiste e se reinventa
Complexa geografia
Revela a fotografia
Na hora que o sol desmaia,
Nas curvas de Niemeyer
Toda beleza irradia
Provoca tanta cobiça
Esta cidade mulher
Nenhuma outra qualquer
Encanta e nos enfeitiça
A sua gente mestiça
Sabe viver nesta terra
Enxerga em meio a esta guerra
O horizonte da paz
Grande é o milagre que faz
Imenso o amor que se encerra
Cidade dos brasileiros
João Gilberto dizia
Na Glória e seus Outeiros
Nas águas dessa Baía
Recebe com simpatia
E uma alegria invulgar
Gente de todo lugar
Seja operário ou artista
O visitante, o turista
E quem vier para ficar
O jeito do carioca

É muito peculiar
Aqui a gente se toca
E sempre quer abraçar
O modo de se falar
É de um sotaque gostoso
Naturalmente charmoso
Baiano aqui não se cala,
Eu sou um deles, que fala:
O Rio é maravilhoso!

Por: Míriam Freitas
Colunista Social
Rio de Janeiro-RJ

PUBLICIDADE