PUBLICIDADE

deu babado

Nego do Borel estava sozinho em motel no Rio, afirma polícia, após recuar

A Polícia Civil recuou e corrigiu a informação de que Nego do Borel foi encontrado em um motel no Rio de Janeiro com duas mulheres. Em nota, a corporação alegou que ele estava sozinho, assim como confirmado pela assessoria de imprensa do funkeiro.

Entenda

Nego do Borel se apresentou à Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA), na Cidade da Polícia, no Jacarezinho, Rio de Janeiro, no início da tarde de terça-feira, para prestar depoimento sobre o seu desaparecimento de quase 24h.

O cantor foi localizado pela manhã, em um motel, em Vila Isabel. Concluído o depoimento, o artista deu entrevista à imprensa que estava no local e negou que duas mulheres o acompanhavam no quarto, conforme tinha sido informado pela polícia.

“Saí ontem e não avisei a minha mãe. Por coisas que estão acontecendo na minha vida, quis ficar sozinho. Não sabia que minha mãe iria à delegacia, não avaliei sobre ela ir à delegacia, peço até desculpas a ela. Estava sozinho, não estava com nenhuma mulher, com ninguém. Tomei muito remédio, aí dormi. E acordei com toda essa repercussão”, disse.

Para a polícia, Nego do Borel informou que saiu de casa por volta das 11h de segunda-feira (4/10), no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio, com o objetivo de pegar a estrada em seu carro, uma Mercedes-Benz, com destino a São Paulo, para encontrar alguns amigos. Por não estar bem emocionalmente, ele decidiu ir para o Motel Corinto, pois, ainda de acordo com ele, o estabelecimento fica próximo do Morro do Borel, comunidade onde foi criado.

PUBLICIDADE