PUBLICIDADE

família

Banda ou DJ: saiba qual escolher para seu casamento

Uma festa de casamento é sempre um evento que começa a ser planejado com muita antecedência para que tudo funcione perfeitamente no grande dia. Quando falamos de música, precisamos saber o que colocaremos no nosso casamento, que pode ser banda ou DJ.

Banda

Foto: Getty Images

A banda é sempre a opção mais tradicional e conhecida para uma festa de casamento e são mais prováveis de garantir a animação da festa.

Prós:

  • Interação com os convidados: essa característica é sem dúvidas o maior bônus da contratação de uma banda. Também é comum que as bandas convidem amigos dos noivos para o palco e cante uma seleção de músicas especial e bem animada.
  • É possível escolher um estilo musical específico: caso o casal tenha um gosto musical específico, é possível encontrar uma banda que toque exclusivamente um estilo. Como maior exemplo, é possível contratar duplas sertanejas, escolas de samba ou também bandas focadas em alguma época especifica, como anos 60.

Contras:

  • Repertório próprio: As Bandas têm um repertório próprio, pois dependem de ensaios e tocam aquilo que eles estudam para executar, não se atendo aos pedidos dos clientes. Sendo assim, os clientes mais exigentes podem acabar decepcionados, sentindo falta de algumas músicas que fogem ao repertorio da banda.
  • Maior investimento: a banda geralmente dispõe de vários integrantes, e muitas vezes também inclui dançarinos. Além deste fator, também existe o transporte maior de carga de equipamentos e instrumentos musicais, o que sem dúvidas torna a contratação da banda um pouco mais cara, em relação ao DJ.

DJ

Foto: Getty Images

Atualmente é muito comum que DJs sejam responsáveis pela animação das festas de casamento, pois esta pode ser uma opção mais econômica para conduzir a pista de dança. Conheça a parte positiva:

  • Execução das músicas originais: o mais comum é que os DJs executem a música na sua versão original, sem que haja grandes intervenções, ou até mesmo uma mistura de ritmos durante a música.
  • Possibilidade de escolher o repertório: no encontro com o fornecedor, é sempre possível transmitir a ideia do que o casal quer no seu evento. Para os clientes mais exigentes com relação ao repertório da festa a dica é contratar o DJ, pois assim evita a execução de estilos musicais que não lhes agrade.

Contras:

  • Não interagir com os convidados: o DJ normalmente não atrai a atenção dos convidados para a pista de dança durante a festa.
PUBLICIDADE